30.9.06

Esquerda e Terrorismo

A leitura do editorial da Atlântico de Outubro fez-me lembrar as palavras de Ribeiro e Castro quando associou, como causa-efeito, a Esquerda e o terrorismo.

Lê-se:

"Recordar a investida totalitária no fim do século passado em Portugal e no Mundo não é só um exercício de memória histórica ou um trabalho de interesse meramente intelectual. Numa altura em que os tentáculos de uma ameaça de igual modo totalitária, o radicalismo islâmico, vão crescendo e sufocando o mundo ocidental (…)"

A verdade é que as FARC andaram por ai…